SERMÃO N° 20 – 17.05.2021 | Tema: “Autoridade para Viver os Propósitos de Deus”.
13 de maio de 2021
SERMÃO N° 23 – 07.06.2021 | Tema: “Casa Dividida”.
27 de maio de 2021
Exibir tudo

IGREJA METODISTA CENTRAL DE MARINGÁ

SERMÃO N° 21 – 24.05.2021 | Tema: “A Experiência do Coração Aquecido”.

Texto Bíblico:Atos 2.1-11; Romanos 12.11

Quebra-gelo: Quente, frio ou morno, o que Deus espera de você?

Introdução: No dia 24 de maio de 1738 João Wesley (ainda jovem) teve uma experiência com Deus ao participar de uma pequena reunião de oração que marcou sua vida e ministério para sempre e que ficou tradicionalmente conhecida como a experiência do coração aquecido. A partir desse dia a vida desse jovem tornou-se um instrumento para restauração de toda uma nação. O interessante dessa experiência é que segundo os historiadores ele foi para essa reunião sem muita vontade, mas estava ali e Deus foi ao encontro dele e o tocou de forma surpreendente e poderosa. Creio que o desejo do coração de Deus é fazer o mesmo em nossos dias, levantar não um, mas uma geração de servos e servas com o coração em chamas para Deus. Você quer ser um desses?

Os discípulos(as) do Senhor Jesus foram enviados para o Cenáculo com uma promessa de que teriam seus corações incendiados pelo poder do Espírito Santo. Não tinham absolutamente certeza de coisa alguma, não tinham noção do que significaria na prática o que o Senhor estava propondo, tinham apenas uma promessa, recebereis poder e então sereis. E movidos por essa palavra foram e aguardaram. Veja o texto:

1) Ao cumprir-se o dia – (v. 1) – Jesus não falou para eles que a promessa seria cumprida no dia do pentecostes, mas é interessante que ao cumprir-se o dia eles estavam lá, estavam de prontidão, estavam aguardando, uma expectativa tinha sido gerada no coração deles. Como está o nosso coração hoje em relação as promessas que o Senhor já liberou para nós? A promessa é a mesma para nós, mas onde nós estamos, qual é a expectativa que temos em nosso coração?

2) Encheu toda a casa onde estavam assentados – (v. 2-4) – Jesus tinha apontado uma direção onde eles deveriam estar, talvez num primeiro momento não fosse o lugar mais agradável, confortável, talvez não estivessem “sentindo” ali muitas coisas. O que eles tinham de concreto era uma direção e nada mais, e “de repente…” a casa onde estavam foi completamente cheia e todos os que ali estavam também ficaram cheios. Deus nos tem achado onde Ele gostaria que nós estivéssemos?

3) Os de dentro foram cheios e os de fora, impactados – (v. 4-11) – Quando os de dentro estão cheios, os de fora sempre serão impactados. Pessoas de todas as localidades se achavam ali, pessoas sedentas e que ao ouvirem o que saia da boca dos discípulos ficaram profundamente tocados, pois cada um ouvia na sua própria língua, o que o Espírito Santo falava sobre as grandezas de Deus. “Ouvindo aquela voz”, diz o versículo 6 não resistiram e se renderam totalmente ao Senhor. As pessoas são impactadas quando o que sai de nós vem do Espírito Santo de Deus. Deus deseja nos encher.

4) Deus nos deixou uma direção para que buscássemos corações fervorosos na vida com Deus e no servir ao Senhor. (Romanos 12.11) – O desejo de Deus é levantar um povo cujo coração é totalmente dEle e deseja nos encher para que tudo e todas as coisas possam ser vividas com muito fervor. A mornidão não faz parte do propósito de Deus para nós.

Conclusão: Deus nos orienta em Hebreus 10.25 a não deixarmos de congregar como é costume de alguns. O texto não está falando dos decretos que nos limitam, está falando de prioridades que são trocadas e por causa disso deixamos de experimentar o mover e o poder de Deus como Ele mesmo gostaria que estivesse presente em nossas vidas. João Wesley se moveu, mesmo sem vontade no início, se moveu por um desejo de servir e Deus o encontrou naquela simples reunião e fez ali uma grande obra na vida dele e de toda uma nação. Você quer?

Os comentários estão encerrados.