Discipulado Kids

Download Estudo 26.doc Download Estudo 26.pdf

26-O Espírito Santo transforma-nos.

28/08/2018 à 24/08/2018

Quebra-gelo:  Você sabe se controlar sozinho?

Texto bíblico: Gl.5:22-25.

Introdução: Não se engane, você não é dono de seu nariz quanto mais de sua

vida. Aquele que pela Palavra fez o céu e a terra, que criou o homem até essa presente geração é quem nos governa, como diz em Gl.5:25. Portanto submeta-se ao seu amor e ao seu governo.

Desenvolvimento: O temperamento pode explicar o seu comportamento mas não justifica ser grosseiro, briguento, teimoso, impulsivo e dizer: eu não consigo mudar. Mas, com a força que Cristo me dá posso enfrentar qualquer situação Fil.4:13.

O  NT nos ensina  que todo crente é enriquecido com algum dom do Espírito Santo em Rm.12:6, portanto quem te muda é Deus te equipando espiritualmente pra que você  mude para melhor de acordo com sua busca a Deus.

 Para isso:

  • Você não mudas só: Para mudar o cristão jovem ou velho deve encher-se do espírito Ef. 5:18, e não se embriagar do mundanismo  que gera no coraçaõ de muitos que Deus é careta, que todo jovem deve ter um crush, paquera, ficante, isso é prostituição aos olhos de DEUS, o mundo também embreaga dizento que os jovens BV (boca virgem), são bobos  quando Deus nos orientaa sermos fiéis, O mundo vive na contramão da Palavra de Deus – Cuidado.
  • Mudar para: ser um cristão ativo participante em uma igreja local, participar e servir uns aos outros,pois somos uma comunidade em harmonia com a Palavra de DEUS. Para ser exemplo e influenciar, não ser influenciado por ele.
  • Sua mudança é vista: O mundo precisa ver Cristo em você que é visto pelo mundo como uma pessoa diferente pois você é o modelode Cristo queoutros precisam ver como cristão autêntico, jovem diferente, alegre e íntegro. Porque a nós foi confiado o Anunciar de que Jesus Cristo Salva e em breve voltará,

 portanto:

Vá,  pregue o Evangelho Mc. 16:15

Conclusão: Você precisa se transformar com a ajuda de Deus para melhor, cristãos precisam ser melhores em tudo porque somos imagem e semelhança de Deus,raça eleita povo que pertence a Deus escolhidos para anunciar os atos poderosos de Deus que nos chamou da escuridão para maravilhosa luz  1Pe. 2:9.Nosso Senhor e Salvador para uma grande obra para isso precisamos ser cristão íntegro e autêntico.  Quer que o Espírito santo de Deus te mude e quer fazer a vontade de Deus? Então vamos orar.

Por  Ediana Frazão

Download Estudo Kids 25.docx

Download Estudo Kids 25.pdf

25-Experimentando a paternidade de Deus

  Texto-Bíblico: Galatas 4.6

Quebra – Gelo:  Se você fosse pai, o que gostaria de fazer?

Introdução

Este domingo é dia dos pais. É um dia de alegria e ao mesmo tempo de tristeza ara muitas pessoas. Algumas pessoas não tem mais seus pais consigo ou sequer  chegaram a conhece-los.  Porém temos a boa noticia de que todo aquele que nasce de novo pela fé em Jesus, nasce de novo e se torna filho de Deus (João 1.12). Portanto, nenhum cristão pode dizer que não tem pai. Pode até não tê-lo segundo a carne, mas tem o Pai celestial.

Vamos  notar de que formas Deus age como nosso pai e ver que temos sim, um pai presente em todas as áreas da nossa vida.

  1. Amor manifesto

Jr. 31.3  texto fala de um  amor eterno,  um amor que jamais acaba. Um amor pleno.  É dessa forma que Deus se relaciona como seus.

  • Um amor que inclui – 10.34
  • Um Deus sempre disposto a perdoar e restaurar– 15.31, 32.

Deus se revela a nós como o Pai amoroso que deseja estar perto de nós. É dele sempre toda iniciativa de aproximação de nós

  1. Cuidado

Deus cuida do seu povo de uma maneira completa. Deus nunca abandona os seus. Ele manifesta seu cuidado especial de forma intensa.

  • Como pai amoroso que é ele provê nossas necessidades - 6.8Hb.13.5
  • Nos protege do mal – Sl, 91 - 13.6

Deus faz tudo que nossos pais terrenos fariam em nossa  vida. Nessas coisas, nessa preocupação de Deus, vemos um cuidado todo especial em todas áreas. Esse é o Deus enviou maná e que a abri o mar para que seu povo pudesse passar. Ele e somente ele, é o pai perfeito.

  1. Correção

Outra característica da paternidade de Deus, é que ele nos corrige. A Bíblia, chega dizer que quem está sem correção é bastardo e não filho.  Hb. 12 .1-7.

Deus se preocupa em tratar nosso caráter, para que nada venha a nos afastar do seu propósito.

Conclusão

Tendo ou não nossos pais segundo a carne conosco, nunca devemos esquecer  que a paternidade de Deus me nossa vida é real e que  ele tem sempre o melhor a nos proporcionar. Convido você  agora a termos um tempo de oração, reconhecendo todo esse amor, tendo em mente todo o cuidado, provisão, proteção  do  pai celestial em nossa vida.

Pr. Francisco Belvedere Neto

Download Estudo Kids 24.docx

Download Estudo Kids 24.pdf

24-JOÃO BATISTA ENCONTRA JESUS

Texto bíblico: Mateus 3.1-17; João 1.19-34

Versículo para memorizar: “No dia seguinte João viu Jesus aproximando-se e disse: Vejam! É o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!”. João 1.29

Orientações para o líder:

  • O conceito do sacrifício é algo bastante abstrato para ser compreendido pelas crianças, cujo pensamento é concreto. Portanto, é necessário tornar a lição bíblica bem explicada tanto na narrativa quanto nas perguntas e atividades.
  • O objetivo principal é apresentar Jesus como Salvador, ou seja, como o único capaz de limpar o coração do pecado. Esta mensagem precisa ficar clara no fim do encontro.
  • Faça a observação e a interpretação dos fatos com as perguntas sugeridas a fim de fixar a aprendizagem.
  • Prepare com antecedência os materiais que usará nas atividades de aprendizagem (cópias dos exercícios, lápis de escrever, borracha).
  • Cada encontro é uma oportunidade de levar crianças a Jesus. Portanto, ore para que o Espírito Santo conduza crianças a um encontro pessoal com Jesus. Coloque-se nas mãos do Senhor para ser um instrumento. Palavras que precisam ser aprendidas:
  1. Arrependimento – Mudança de mente (forma de pensar), atitude, caráter, consciência moral. Vai além de simplesmente ficar triste por algo que fez de errado. Arrependimento envolve uma mudança completa. Significa, então, abandonar o pecado e voltar-se para Deus.
  2. Confessar pecados – Reconhecer diante Deus que errou. Reconhecer que pensou, falou ou fez algo errado, repreensível. Assumir uma falha. Reconhecer que não fez algo que deveria ter feito.
  3. Fariseus e Saduceus – Seitas religiosas que surgiram entre o AT (Antigo Testamento) e o NT (Novo Testamento). Os fariseus eram conhecidos por ensinar a obediência à lei de Moisés, até mesmo as posteriores interpretações que foram acrescentadas ao longo dos tempos. Os saduceus eram aristocratas, ou seja, na sua maioria eram ricos e ocupavam cargos de destaques incluindo o primeiro sacerdote e sumo sacerdote. Embora os saduceus ocupassem a maioria dos lugares no Sinédrio, a história indica que a maior parte do tempo eles tinham que concordar com as ideias da minoria farisaica, pois os fariseus eram mais populares entre o povo.
  4. Cordeiro de Deus – Durante todo o AT, o perdão dos pecados era obtido por meio do sacrifício de animais, principalmente cordeiros sem defeitos ou manchas, que foi simbolizado posteriormente pelo sacrifício de Jesus. João Batista mostra Jesus como o último cordeiro a ser sacrificado por causa dos pecados das pessoas. O fato de ser o sacrifício do próprio Filho de Deus, esse sacrifício era final e eterno.

Recurso para a história

  • Leve um pouco de mel e dê uma provinha para cada criança. Fale sobre o gosto do mel. Diga que no passado um homem se alimentava de gafanhotos e mel.
  • Diga às crianças que apesar de este homem ter costumes diferentes, ele teve um encontro muito especial com Jesus, que mudou sua vida.

Lição Bíblica

João Batista foi um homem que viveu com costumes muito diferentes dos nossos. Ele comia gafanhotos, mel silvestre e vestia roupas feitas de pelo de camelo e um cinto de couro. Andava de um lado para o outro, principalmente no deserto da Judeia, anunciando a vinda do Reino de Deus e dizendo às pessoas que elas precisavam se arrepender de seus pecados. Isso falava porque acreditava na vinda do Messias, Jesus Cristo.

Os saduceus e fariseus, homens religiosos da época, foram até o rio Jordão, onde João Batista estava pregando e batizando. Quando os viu, ele falou sério com aqueles homens, mostrou que não seria a religião deles que os salvaria dos seus pecados, mas sim o arrependimento. João Batista sabia que viria após ele alguém mais poderoso que salvaria o mundo de seus pecados.

Um dia, enquanto estava no Rio Jordão, Jesus chegou perto de João Batista para ser batizado. Ele, imediatamente, tentou impedir que Jesus fosse batizado ali, porque não se achava digno de batizar o Filho de Deus, mas Jesus disse que assim precisava acontecer para que se cumprisse toda a Escritura.

João batizou Jesus no Rio Jordão e, na mesma hora, o Espírito Santo veio como uma pomba, pousou sobre Jesus e uma voz foi ouvida do céu. Esta voz dizia: “Então uma voz dos céus disse: “Este é o meu Filho amado, de quem me agrado”.” (Mt 3.17) João Batista esperava a salvação de seu povo e quando ele viu Jesus, creu nele e fez uma grande declaração: “No dia seguinte João viu Jesus aproximando-se e disse: Vejam! É o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo!” (João 1.29)

 Certamente a vida de João Batista nunca mais foi a mesma depois que ele reconheceu Jesus como o Salvador prometido. Ele disse que, diante de tudo que viu, testemunharia que Jesus é o Filho de Deus. Este encontro mudou sua vida.

Observação dos fatos

  1. Algumas pessoas foram ver João Batista onde ele estava (Mateus 3.7). Quem eram estas pessoas?
  2. Quais eram os costumes diferentes de João Batista? (Mateus 3.4)
  3. Quem João Batista disse que Jesus é? (João 1.29)
  4. Onde Jesus foi batizado por João Batista? (Mateus 3.13)

Interpretação e aplicação dos fatos

1 – João Batista afirmou que Jesus Cristo é o Cordeiro de Deus (João 1.29). O que ele quis dizer com isso? Por que só Jesus pode tirar o pecado do coração das pessoas? Reflexão – A Bíblia diz, no AT, que os pecados do povo eram perdoados quando um cordeiro era sacrificado. Quando Jesus veio, isso acabou porque somente Ele pode limpar o pecado do coração das pessoas que se arrependem e creem nEle. Você reconhece que tem pecado no coração? Você sabe o quanto isso entristece a Deus e o quanto precisa se arrepender e pedir perdão?

2 – João Batista acreditava que depois dele viria alguém mais poderoso, e este alguém é Jesus (Mateus 3.11 e 12). Você acredita que Jesus é poderoso? Acredita que Ele é o Filho de Deus?

Reflexão – A Bíblia garante que Jesus tem poder sobre a natureza, sobre as circunstâncias, sobre a saúde, sobre a vida e a morte. Jesus tem poder para perdoar pecados porque Ele é o Filho de Deus. Você aceita que Jesus more em seu coração para sempre? Então, reconheça que tem pecados, peça perdão e convide Jesus para entrar no seu coração. Atividades de Aprendizagem (Todas as crianças) Responda Certo ou errado: João Batista comia hambúrguer com refrigerante e batata frita todo dia. João Batista reconheceu Jesus como Filho de Deus. Jesus foi batizado por João Batista no rio Jordão. Mel silvestre e gafanhotos eram os principais alimentos de João Batista. João Batista usava diariamente calça jeans, tênis e camiseta. Arrependimento era a principal mensagem de João Batista. Quando Jesus foi batizado por João Batista um pardal apareceu no céu. João Batista usava roupas de pelos de camelo, cinto de couro, comia mel silvestre e gafanhotos e pregava que era necessário se arrepender dos pecados. João Batista declarou que Jesus é o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo.

Por: Charlane

Download O Brilho Da Luz.docx

Download O Brilho Da Luz.pdf

23 - O BRILHO DA LUZ

Texto base: Gênesis 1:1-4

14/07/2018 a 21/07/2018

Quebra-gelo: Que tal brincar um pouco com a criançada? Proponha uma brincadeira antiga “cobra-cega”. Logo em seguida, faça a pergunta: “Qual a sensação que sentimos quando estamos com os olhos encobertos pela escuridão? ”.

1-Deus criou a luz para que houvesse luz. E disse Deus: Haja luz; e houve luz.Gênesis 1:3

Deus em sua perfeita sabedoria, criou tudo que criou para cumprir uma função e um propósito. Parece óbvio dizer que que Deus criou a luz PARA QUE houvesse luz, porém, a sabedoria de DEUS mesmo sendo simples sempre revela uma profunda verdade.  Quando Deus estava criando a terra, ele observou que havia trevas, ou seja, estava tudo escuro e percebeu que havia a necessidade da LUZ e que a partir dessa luz haveria brilho para iluminar e fazer possível a visualização do que Ele ainda criaria. Que graça teria se Deus tivesse criado tudo que há nesse planeta e não pudéssemos ver? Por isso também, precisamos que a LUZ de DEUS ilumine nossos olhos para assim podermos ver tudo que ELE tem para realizar em nossas vidas. Segundo Salmos 119:105 A palavra de Deus (BÍBLIA) é LUZ em nossas vidas PARA QUE haja luz em nosso caráter. Talvez as pessoas tenham se acostumado a viver a vida de qualquer maneira, nas trevas do engano, daquilo que “todo mundo faz”, e fazem da bíblia apenas um livro qualquer, guardam a LUZ para viver na escuridão.

2-Deus se agradou da luz. E viu Deus que era boa a luz; e fez Deus separação entre a luz e as trevas. Gênesis 1:4

É sempre bom saber aquilo que agrada a Deus, Ele criou a luz e viu que era algo bom. Deus se agradou da luz porque é essa luz que nos ajuda a vermos aquilo que precisamos separar em nosso coração, aquilo que é escuridão daquilo que é luz. E quando vivemos na LUZ deixando que o Espirito Santo sonde e nos mostre o pecado que devemos abandonar, isso nos ajuda a nos aproximarmos de DEUS e o prazer dele é estar conosco, por isso ele se agradou da luz. Sendo assim, que também sejamos a LUZ em que Deus se agrada.

3-Precisamos de luz natural, porque as luzes artificiais podem trazer danos.Vê, pois, que a luz que em ti há não sejam trevas.Lucas 11:35

Na modernidade temos muita luz artificial, e o maior exemplo são as luzes produzidas através dos aparelhos eletrônicos como os televisores, celulares e tablets, é a chamada LUZ AZUL. Os estudos apresentam alertas relevantes quanto aos riscos de prejuízos a visão, insônia e também está relacionada a questões de ansiedade infantil. Então precisamos refletir sobre o quanto temos investido tempo com as luzes encantadoras desse mundo, porque de fato elas são atrativas, imitam a função de iluminar, mas não geram vida, e em muitos momentos trazem prejuízos. Nós precisamos daquilo que vem de DEUS, daquilo que ELE criou e viu que era bom para nós, a luz natural lembra a beleza da vida, da pureza e simplicidade do Senhor. Criança de DEUS vive na luz, anda na luz, ama a luz, se agrada da luz e é luz!

Atenção discipulador: Nesse estudo abordamos o tema LUZ, para estarmos em um só espirito e uma só palavra, pois é tema da nossa EBF 2018. A brincadeira é apenas uma sugestão, fique na liberdade para realizar ou criar algo, a ideia é conduzir a célula kids com a linguagem e alegria de criança. Também aproveite o último tópico desse estudo para fazer um breve compartilhar sobre o uso excessivo dos aparelhos eletrônicos, os quais hoje seduzem a criançada roubando aquilo que elas têm de mais precioso com a família: o tempo.

Por: Talita Pavan